Assembléia vai discutir venda de participação na Varig

Os membros da Fundação Rubem Berta (FRB), controladora do Grupo Varig, deverão tomar hoje à tarde uma decisão histórica. Em assembléia extraordinária, os membros do colégio deliberante da entidade, formado por cerca de 250 pessoas, discutirão a autorização para a venda de participação acionária e injeção de capital novo no grupo. A reunião começará às 15h30 e, segundo executivos da empresa, deverá durar até às 18h. Conforme o texto da convocação para os membros do colégio deliberante, a assembléia é para discutir a "autorização para que a fundação, por meio da holding FRB-Par, ceda participações ou abra mão de direitos de subscrição de empresas por ela controladas, com vistas à efetivação de planos de capitalização destas mesmas empresas". Às 14h, a Associação de Pilotos da Varig (Apvar) começará uma manifestação "para sensibilizar o colégio deliberante para que não apóiem o desmonte da Varig". A manifestação deverá ocorrer junto aos portões da área industrial da Varig, na Ilha do Governador, dentro da qual fica o prédio-sede da fundação no Rio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.