Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Atenção para os riscos do consórcio

Consórcio somente é bom negócio para quem recebe o bem nas primeiras reuniões do grupo, seja por sorteio ou por fazer um lance maior que os demais. Desta forma, estará usando o dinheiro dos outros consorciados, que nada recebem de remuneração pelas quantias depositadas para o grupo, para bancar sua aquisição.Para ter este benefício, o consorciado paga uma taxa à empresa administradora. Esta taxa não é juro, mas pagamento pelo serviço da administradora. Se não receber o bem no começo do contrato, o consorciado estará pagando a taxa de administração sem usufruir do uso do bem, o que é mau negócio.RiscosO principal risco no setor de consórcio é a idoneidade da administradora. Existem vários casos na Justiça de empresas que agiram de má fé e deixaram diversos consorciados de mãos abanando. O consorciado deve sempre estar informado sobre a saúde financeira da empresa. E verificar no Banco Central se a empresa está autorizada a atuar neste segmento e se não tem nada que a desabone até o momento. Vale lembrar, no entanto, que o Banco Central não garante a saúde financeira futura da empresa.Consórcios de grandes instituições financeiras ou grupos econômicos teoricamente têm maior suporte para enfrentar problemas. Mas mesmo grandes grupos já tombaram e levaram junto sua empresa de consórcio, pela má administração dos recursos.Outro indicador importante é o grau de inadimplência dos clientes da empresa. Se a inadimplência é grande, o grupo vai precisar de maior estrutura financeira para honrar os compromissos. O site do Banco Central (no link abaixo) traz o nível de inadimplência da administradora por segmento (automóvel, imóvel, eletrodoméstico etc.). Veja nos links abaixo como fechar um contrato de consórcio com menor riscos e outras informações sobre os serviços de crédito.

Agencia Estado,

19 de janeiro de 2001 | 19h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.