Poupatempo|Divulgação
Poupatempo|Divulgação

Atendente virtual do Poupatempo permite agendamentos pelo Facebook

Chamado de Poupinha, o robô já realizou mais de 267 mil agendamentos desde o início do ano; além de solicitar informações, usuários brincam e fazem perguntas inusitadas

Anna Carolina Papp, O Estado de S.Paulo

26 de abril de 2017 | 05h00

Precisa renovar a carta de motorista ou solicitar uma nova via do RG? Agora está mais fácil: é acessar o Facebook no celular e bater um papo com o Poupinha. A nova ferramenta, um atendente virtual, permite aos cidadãos pedir informações e marcar atendimentos nas unidades do Poupatempo, a fim de solicitar documentos ou agendar outros serviços no Estado de São Paulo.

Para conversar com o Poupinha, o consumidor pode acessar o portal do Poupatempo ou mesmo o Messenger, o chat do Facebook. Mediante um diálogo, tal qual a troca de mensagens com um amigo na rede social, o robô, em tempo real, agenda atendimento para serviços de RG, CNH, veículos, antecedentes criminais, carteira de trabalho, cadastro de emprego e seguro desemprego.

Lançado no início deste ano ainda em fase de testes, o simpático atendente virtual já caiu na graça dos usuários. São atendidos pelo Poupinha uma média de 5,8 mil pessoas por dia, que trocaram com ele, até o dia 16 de abril, um total de 10 milhões de mensagens. Já foram concluídos 267 mil atendimentos. Há duas semanas, a tecnologia passou a oferecer também informações referentes ao RG – sobre o qual já foram feitas mais de 2,3 mil menções.

A ferramenta, assim como outras tecnologias que estão sendo adotadas no Poupatempo – como totens de autosserviço, já instalados em 19 das 72 unidades no Estado –, foi desenvolvida para ajudar a resolver o maior problema das unidades de serviços ao cidadão: o enorme número de pessoas que chegam aos postos sem agendar atendimento.  Mesmo com alternativas de agendamento pelo portal do Poupatempo, pelo aplicativo SP Serviços ou pelo disque Poupatempo, metade dos 180 mil atendidos diariamente não faz agendamento prévio – e outros tantos sequer conseguem ser atendidos.

BLOG: Leia mais sobre Direito do Consumidor

De acordo com a instituição, o agendamento prévio serve para distribuir a demanda uniformemente durante o dia, evitando atropelos, filas e desconforto para consumidores e funcionários, aumentando a eficiência na utilização dos recursos públicos.

O robô foi desenvolvido pela startup Nama, que desenvolve inteligência artificial, por meio de um edital do governo do Estado focado na elaboração de soluções para a prestação de serviços públicos.

Bate papo. Um dos atrativos do Poupinha em relação aos meios tradicionais de agendamento, além da praticidade, é o fato de ele interagir com o usuário tal qual os famosos assistentes pessoais, como a Siri, da Apple, ou, mais recentemente, fintechs como o Warren.  Assim, além de oferecer as informações referentes aos serviços prestados, o Poupinha responde também responde a perguntas curiosas e inusitadas, como perguntas como "Vai chover?", "Qual é o seu nome?" ou "Qual o sentido da vida?".

Se o Poupinha é simpático, os usuários não ficam atrás. Segundo o Poupatempo, já foram registradas mais de 57 mil mensagens de "Obrigado" ou "Deus abençoe" após os agendamentos. 

Mais conteúdo sobre:
PoupatempoConsumidor

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.