coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Atividade da indústria paulista cai 4%

O Indicador do Nível de Atividade (INA) da Indústria de Transformação paulista caiu 4% em maio ante abril, com ajuste sazonal, informa a Fiesp. Na comparação com maio de 2001, a queda foi de 4,3% sem ajuste sazonal. No acumulado de janeiro a maio, o INA teve retração de 2,5% sobre igual período de 2001. Segundo a Fiesp, o total de pessoal ocupado caiu 0,4% em maio ante abril. O total de horas pagas caiu 1,1%; o total de horas trabalhadas na produção recuou 4,2%; e a hora média trabalhada caiu 3,7% em maio, ante abril. O salário real médio caiu 0,9% e o total de salário real caiu 1,3%. O total de vendas nominais caiu 6,1% e o de vendas reais recuou 7%. Já o nível de utilização da capacidade instalada em maio passou para 81,7% e, em maio de 2001, era de 83,1%.

Agencia Estado,

27 de junho de 2002 | 14h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.