Atividade da indústria paulista cresce 1,3%

O Indicador do Nível de Atividade (INA) da indústria paulista atingiu 1,3% em outubro em relação a setembro. Segundo a Federação das Indústrias do Estado, o número mostra a tendência de crescimento já verificada nos últimos quatro meses. Em setembro, o INA havia crescido 6% em relação a agosto. Em comparação a outubro do ano passado, o crescimento foi de 1%. De janeiro a outubro, a alta é de apenas em 0,1% na comparação com o mesmo período do ano passado.Segundo a Fiesp, a produção sinaliza forte crescimento no quarto trimestre, puxado por efeitos temporários e alguma recuperação da demanda doméstica. Por setor, o INA de outubro em relação a setembro teve o seguinte comportamento: 5,4% em mecânica, 1,7% em material de transporte e 0,3% em produtos clínicos e 0% no setor têxtil.As vendas tiveram alta de 2,3% em outubro sobre setembro.Apesar do aumento da produção, a indústria não contratou em outubro. Na comparação de setembro com agosto, o desemprego havia ficado negativo em 0,2%. Já as horas pagas cresceram 0,3% entre os meses de outubro e setembro, com os salários subindo 1,7%. As horas trabalhadas ficaram em 0,3% em outubro na comparação com setembro. O uso da capacidade instalada ficou em 82,5%, enquanto em setembro estava em 81,2% e, em outubro do ano passado, em 83,2%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.