Atividade da indústria paulista recua 4,3% em março, diz Fiesp

Destaque do resultado foi setor de máquinas, que teve queda de 7,1%; uso da capacidade instalada chega a 83%

Daniela Machado, da Reuters,

29 de abril de 2008 | 11h22

A atividade industrial de São Paulo recuou expressivos 4,3% em março ante fevereiro, com ajuste sazonal, informou a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) nesta terça-feira, 29.  Entre os setores, destaque para o de máquinas, aparelhos e materiais elétricos, que registrou queda de 7,1%.  Na comparação com março de 2007, o Indicador do Nível de Atividade (INA) aumentou 3,5%. Sem ajuste sazonal, na comparação mês a mês houve alta de 5,9%. As vendas reais da indústria aumentaram 10,5% na comparação mensal, sem ajuste sazonal, e caíram 0,6% frente a março do ano passado.  A utilização da capacidade instalada atingiu 83% em março, ante 82% em fevereiro, mesmo patamar de março de 2007.

Tudo o que sabemos sobre:
Indústria

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.