Atividade da indústria paulista sobe 0,5%

O Indicador do Nível de Atividade (INA) da indústria de transformação paulista cresceu 0,5% em abril deste ano comparado ao mês de março. A informação foi divulgada no início da tarde pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Na comparação com abril do ano passado, o INA apresentou estabilidade em abril de 2002. Mesmo tendo apresentado crescimento de 0,5%, o INA não reverteu a desaceleração da atividade industrial este ano. No acumulado de janeiro a abril deste ano, o INA registra queda de 2,9% em comparação ao mesmo período do ano passado. Também em abril deste ano, o total de pessoas ocupados cresceu 0,1% ante março. As horas médias trabalhadas cresceram 2,3% na mesma comparação mensal. Houve ainda recuperação do salário real médio pago pela indústria, de 1,5% em abril ante março deste ano. O total de vendas reais apresentou alta de 5,5% no mesmo período. Ainda de acordo com a Fiesp, durante o mês de abril, o nível de utilização da capacidade instalada foi de 82,4%, um pouco acima do apresentado em abril do ano passado, de 82,1%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.