bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Atividade econômica do Chile cresce 3,9% em abril

A atividade econômica chilena registrou desempenho superior ao esperado pelos analistas em abril. O Banco Central chileno informou que o índice mensal de atividade econômica (Imacec) apresentou crescimento de 3,9%, na comparação com o mesmo mês do ano anterior. Analistas consultados pela Dow Jones trabalhavam com um prognóstico de expansão de 2,8% para o Imacec, que considera 90% dos bens e serviços que constam do dado do Produto Interno Bruto (PIB). Em um breve comunicado, o BC chileno destacou que os dados robustos foram influenciados, parcialmente, pelo fato de haver um dia útil a mais em abril deste ano em relação ao mesmo mês do ano passado, uma vez que o feriado de Páscoa caiu em março. O BC disse que o dia útil adicional somou entre 0,5 e 1 ponto porcentual ao número do Imacec. Mesmo desconsiderando o efeito desse dia extra, os dados de abril mostraram uma melhora em relação ao crescimento de 0,4% de março e de 1,5% em fevereiro. O BC fez referências ao desempenho da indústria e de alguns setores da agricultura. A produção industrial cresceu 6,6% durante abril e as vendas aumentaram 2,9%, o que pode sinalizar que a atividade econômica está ficando mais dinâmica.

Agencia Estado,

17 de junho de 2002 | 11h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.