Atividade industrial cresceu 4% em janeiro

O Indicador de Nível de Atividade (INA) medido pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) subiu 4,3% em janeiro ante igual período do ano passado, e 4% ante dezembro. Segundo a Fiesp, "a produção na indústria paulista surpreendeu positivamente em janeiro". Entretanto, a entidade voltou a revisar para baixo a previsão de desempenho do setor para o ano.Antes de calcular os dados de janeiro, a entidade previa um crescimento de 1,5% ante 2002. "Não sabemos ainda quanto vai dar, mas será, com certeza, menor do que 1,5%", disse Clarice Messer, diretora de pesquisas e estudos econômicos da Fiesp.Essa revisão parece incoerente com o resultado positivo do INA de janeiro. "Foi um crescimento baseado nas exportações, porque o mercado interno está ruim. E as exportações não crescerão neste ano no mesmo ritmo do ano passado", disse ela.O total de pessoal ocupado em janeiro subiu 0,4% ante dezembro, assim como o total de horas trabalhadas na produção (também +0,4%). O salário real médio pago pela indústria subiu o mesmo índice, de 0,4%. O total de vendas reais cresceu 1,8%. O nível de utilização da capacidade instalada da indústria ficou em 79,7%, ante 79% em janeiro do ano passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.