Atividade industrial dos EUA tem trimestre mais fraco em 3 anos-PMI

O setor industrial dos Estados Unidos encerrou o seu trimestre mais fraco em três anos este mês, com a demanda externa por bens norte-americanos continuando a cair, mostrou o Índice de Gerentes de Compras (PMI) preliminar do instituto Markit divulgado nesta quinta-feira.

Reuters

20 de setembro de 2012 | 10h52

O instituto Markit informou que o PMI preliminar ficou em 51,5 em setembro, inalterado ante agosto. Um leitura acima de 50 indica expansão.

O índice registrou média de 51,5 no terceiro trimestre, abaixo dos 54,2 registrados entre abril e junho, atingindo o pior resultado desde o terceiro trimestre de 2009. A 51,2, o componente de produção atingiu o menor nível desde setembro de 2009.

"Com a produção crescendo ao menor ritmo desde que a recuperação começou, o setor industrial pode até mesmo ter agido como um peso sobre a economia no terceiro trimestre", disse o economista-chefe do Markit, Chris Williamson.

Depois de crescer ao ritmo de 1,7 por cento entre abril e junho, a economia deve ter chegado "mais próximo da estagnação" entre julho e setembro, disse Williamson.

O setor industrial foi um dos poucos com contribuição positiva para o crescimento em 2010 e 2011, mas começou a desacelerar este ano. Recessões em muitos países da Europa e um menor crescimento na Ásia contribuíram para minar as exportações dos EUA.

Embora as novas encomendas gerais recebidas pelas fábricas dos Estados Unidos tenham aumentado em setembro, as empresas enfrentaram a redução mais acentuada nas novas encomendas de exportação em quase um ano. A queda nas exportações este mês foi a quarta consecutiva.

(Reportagem de Steven C. Johnson)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROPMIEUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.