Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Atividade na construção civil recua em novembro

A atividade da construção civil no País caiu em novembro, registrando 49,3 pontos, de acordo com sondagem divulgada hoje pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Pelo quarto mês consecutivo, o nível de atividade no setor ficou abaixo do usual, com 47,2 pontos. Também houve retração do emprego no setor, cujo indicador ficou em 49,2 pontos no mês passado. Os indicadores da sondagem variam de zero a cem pontos. Os valores acima de 50 indicam aumento da atividade, atividade acima do usual e expectativa positiva.

CIRCE BONATELLI, Agencia Estado

16 de dezembro de 2011 | 15h06

Apesar da queda, os empresários se mostraram mais otimistas em relação aos próximos seis meses em dezembro, com alta em todos os indicadores de expectativa em comparação com novembro. Essa melhora no otimismo se deu, principalmente, entre as grandes empresas. "Os empresários estão com expectativas de que vários projetos de obras governamentais serão retomados no próximo ano", afirma em nota o economista da CNI Danilo Garcia.

As expectativas sobre novos empreendimentos e serviços aumentaram de 57,2 pontos em novembro para 59 pontos neste mês. O indicador de compras de insumos e matérias-primas passou de 55,5 pontos para 57,8 pontos no período. O indicador de número de empregados passou de 56 pontos para 57,5 pontos, sinalizando que o setor espera contratar mais trabalhadores nos próximos meses. A Sondagem Indústria da Construção foi realizada entre 1º e 14 de dezembro com 382 empresas, das quais 181 são pequenas, 162 médias e 39 são de grande porte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.