finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Atividade no comércio sobe 1,7% em outubro, diz Serasa

O movimento dos consumidores nas lojas cresceu 1,7% em outubro com relação a setembro - já efetuados os ajustes sazonais -, de acordo com o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, divulgado nesta sexta-feira, 8. Foi o melhor resultado mensal do ano. Na comparação com igual período de 2012, houve expansão de 2,8% da atividade varejista.

GABRIELA LARA, Agencia Estado

08 de novembro de 2013 | 10h37

Em nota, a Serasa Experian atribui o desempenho de outubro à retomada da trajetória de expansão da massa real de rendimentos, à estabilização da cotação do dólar e às promoções feitas pelas concessionárias de automóveis. A maior alta foi registrada justamente nas lojas especializadas em veículos, motos e peças (8%). Na sequência aparecem os segmentos de supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas (2,9%), material de construção (2,7%), móveis, eletroeletrônicos e informática (1,4%), combustíveis e lubrificantes (0,7%) e tecidos, vestuário, calçados e acessórios (0,2%).

No acumulado de janeiro a outubro de 2013, a atividade do comércio avançou 5,1%, alavancada pelos segmentos de supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas (6,1%) e de combustíveis e lubrificantes (5,8%). A categoria de móveis, eletroeletrônicos e informática acumulou alta de 3,2% neste período, mesma variação verificada pelo setor de veículos, motos e peças. Já o segmento de tecidos, vestuário, calçados e acessórios teve expansão de 3,1%, assim como a categoria de material de construção.

Tudo o que sabemos sobre:
atividadevarejoSerasaoutubro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.