Atividade no Meio-Oeste dos EUA cai a menor nível em 5 anos

A atividade manufatureira no Meio-Oeste dos Estados Unidos caiu para seu nível mais baixo em cinco anos em setembro, devido a um forte declínio na produção de automóveis, informou o Federal Reserve de Chicago nesta segunda-feira. O índice de atividade manufatureira da região caiu 2,6 por cento para 100,6, ajustado sazonalmente, ante número revisado de 103,3 em agosto. A leitura de agosto foi originalmente informada em 103,5. Em comparação com um ano antes, a produção do Meio-Oeste teve queda de 7,4 por cento, pior que o declínio nacional de 4,8 por cento. Essa foi a leitura mais baixa do índice desde agosto de 2003. Todos os quatro setores industriais regionais medidos pelo Fed de Chicago tiveram declínio em setembro. A produção do setor automotivo caiu 5,4 por cento, próximo à queda nacional, depois de ter caído 10,8 por cento em agosto. A produção automotiva da região caiu 21,7 por cento ante um ano antes, e o índice de automóveis caiu para seu nível mais baixo desde o final de 1996, à medida que montadoras enfrentam preços de gasolina mais altos, consumidores mais pessimistas e a falta de crédito para compradores. (Reportagem de Ros Krasny)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.