finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Atores seminus protestam no INSS

O Sindicato dos Bancários de Porto Alegre colocou dois atores seminus diante de um posto do INSS no bairro Partenon, na capital gaúcha, para denunciar abusos e indiferença de médicos, falta de privacidade e de roupas adequadas para pacientes nas perícias para concessão de licenças e benefícios. Cinco bancárias apresentaram queixa na Delegacia da Mulher por humilhação. O médico-chefe da área de Gerenciamento de Benefícios por Incapacidade, Artur Koch, prometeu apurar as denúncias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.