Auditores fiscais entram em greve a partir de hoje

Os auditores fiscais da Receita Federal do Brasil entraram em greve por tempo indeterminado na manhã desta terça-feira. Os trabalhadores reivindicam 42% de reajuste salarial; a proposta de reajuste apresentada pelo governo é de 17%.O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Unafisco) não tem um balanço sobre a adesão à greve, mas garante que 30% do atendimento, estipulado por lei, está mantido. Só serão liberados, nos portos e aeroportos, cargas perecíveis, explosivas e inflamáveis, além de medicamentos.Outra reivindicação da categoria é uma solução para as distorções entre os salários. De acordo com o Unafisco, a Receita Federal conta com 12 mil auditores fiscais em todo o País.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.