Aumento de reserva nos EUA faz petróleo recuar

Os preços do petróleo caíram ontem ao nível mais baixo em seis meses após a divulgação de dados mostrando o aumento, acima do esperado, dos estoques da commodity nos EUA. Outros fatores que contribuíram para o recuo foram a informação, não confirmada, de que a Arábia Saudita vai elevar sua produção para conter a alta dos preços e o fato de o governo dos EUA admitir a possibilidade de liberar suas reservas estratégicas. Na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex, na sigla em inglês), o petróleo fechou em queda de 3,47%, a US$ 91,98 por barril.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.