Auxílio-desemprego na Espanha desacelera em janeiro

O número de pedidos de auxílio-desemprego apresentados por trabalhadores na Espanha subiu em janeiro ante dezembro no ritmo mais lento para o primeiro mês do ano desde 2007, na última indicação de melhora no enfraquecido mercado de trabalho do país.

AE, Agencia Estado

04 de fevereiro de 2014 | 07h01

Dados divulgados hoje pelo Ministério do Trabalho espanhol mostram que o número de solicitações cresceu 113.097 no mês passado, a 4,8 milhões. Com ajuste sazonal, o total de pedidos teve queda de 3.907. Com isso, o resultado ajustado acumula recuos há seis meses seguidos pela primeira vez desde 2007.

Apesar disso, a Espanha ainda tem o segundo maior nível de desemprego na Europa, em 26% da população economicamente ativa, atrás apenas da taxa da Grécia. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Espanhaauxílio desempregojaneiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.