Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Caixa
Caixa

Auxílio emergencial: confira o novo calendário de pagamento da 3ª parcela

Crédito para beneficiários nascidos em janeiro, que antes seria feito no domingo, será liberado já nesta sexta-feira

Fabrício de Castro, O Estado de S.Paulo

15 de junho de 2021 | 09h43
Atualizado 21 de junho de 2021 | 13h06

BRASÍLIA - A Caixa Econômica Federal antecipou o pagamento da terceira parcela do auxílio emergencial de 2021, que começou na sexta-feira, 18, e vai até o próximo dia 30. A liberação do crédito das parcelas anteriores também já havia sido antecipada pelo banco.

“Após termos verificado que, tanto no primeiro quanto no segundo ciclo, a antecipação ocorreu bem, estamos antecipando o crédito e o saque no terceiro ciclo”, disse o presidente da Caixa, Pedro Guimarães. Os depósitos serão feitos conforme o mês de nascimento dos beneficiários. “Em 30 de junho, faremos os depósitos para os nascidos em novembro e dezembro”, citou Guimarães. Previsto inicialmente para terminar em 12 de agosto, o calendário da terceira parcela agora acaba no dia 19 de julho. 

Confira o novo calendário de crédito da terceira parcela:

O presidente da Caixa destacou que todos os beneficiários receberão ainda em junho os valores em suas contas sociais digitais, que podem ser usadas para pagamentos de boletos, compras pela internet e operações com QR Code, por exemplo. Os recursos também poderão ser sacados conforme o mês de nascimento do beneficiário. Neste caso, o cronograma de abertura de saques vai de 1.º a 19 de julho.

Confira o novo calendário de saques da terceira parcela:

Guimarães explicou ainda que o cronograma para beneficiários do Bolsa Família será semelhante. Eles receberão os recursos entre 17 e 30 de junho. “100% dos beneficiários receberão a terceira parcela do auxílio até o dia 30”, disse.

Segundo o presidente da Caixa, o pagamento da quarta parcela do benefício emergencial tende a ser antecipada também. O anúncio, no entanto, deve ser feito em algumas semanas. Segundo ele, dúvidas devem ser esclarecidas por meio do telefone 111 ou pelo site www.auxilio.caixa.gov.br.

Benefício será estendido por 3 meses

No último dia 15, o ministro Paulo Guedes informou ao Estadão/Broadcast que o governo vai prorrogar o auxílio emergencial por mais três meses. Com isso, a ajuda voltada aos mais vulneráveis durante a pandemia de covid-19 será estendida até outubro, nos mesmos valores de R$ 150 a R$ 375 e com igual alcance em termos de público. Hoje, o benefício contempla cerca de 39,1 milhões de brasileiros.

Segundo Guedes, o Ministério da Saúde informou que toda a população adulta estará vacinada contra a covid-19 até outubro. Até que isso aconteça, o governo quer garantir a proteção dos vulneráveis, daí a necessidade da extensão do auxílio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.