Aviação perdeu US$ 30 bilhões desde 11 de setembro

A aviação mundial acumulou perdas de cerca de US$ 30 bilhões, até agora, com o impacto dos ataques terroristas de 11 de setembro, a guerra contra o Iraque e a crise da Sars, a pneumonia asiática. O cálculo foi anunciado por um porta-voz da IATA, a Associação Internacional de Transporte Aéreo, Anthony Concil. Segundo ele, os números poderiam ser ainda piores, se a Sars não estivesse começando a ser controlada. ?No resultado líquido, poderemos perder cerca de US$ 6,5 bilhões este ano?, disse Concil, segundo a agência de notícias da Malásia Bernama. ?Um mês atrás, eu diria que o total seria de US$ 10 bilhões.?A aviação já perdeu cerca de 200 mil empregos desde os ataques de 11 de setembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.