Carlos Garcia Rawlins/Reuters
Carlos Garcia Rawlins/Reuters

Avianca cancela 422 voos neste fim de semana em todo o País

Em recuperação judicial, empresa aérea já informou o cancelamento de outros 406 cancelamentos entre esta segunda-feira, 13, e terça-feira, 14

Thaís Barcellos, O Estado de S.Paulo

12 de maio de 2019 | 17h07

A companhia aérea Avianca cancelou 422 voos neste sábado, 11, e domingo, 12, em todo o País, de acordo com o site da empresa. A Avianca já informou que outros 406 voos estão cancelados entre esta segunda-feira, 13, e terça-feira, 14. Em recuperação judicial, a companhia tem cancelado sistematicamente a maioria de suas decolagens desde meados de abril.

Neste fim de semana, o aeroporto mais afetado foi Guarulhos (SP), com 119 chegadas e 119 partidas canceladas, seguido por Brasília e Salvador (BA).

A lista de terminais com voos cancelados, no entanto, inclui Aracaju (SE), Belém (AP), Campo Grande (MS), Chapecó (SC), Confins (MG), Congonhas (SP), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Foz do Iguaçu (PR), Galeão (RJ), Goiânia (GO), João Pessoa (PB), Juazeiro do Norte (CE), Maceió (AL), Natal (RN), Navegantes (SC), Petrolina (PE), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Santos Dumont (RJ) e Vitória (ES).

Em recuperação judicial

A Avianca Brasil detinha 13,77% do mercado brasileiro quando entrou em recuperação judicial, em dezembro de 2018. A quarta maior empresa aérea do País vinha tendo dificuldades para honrar com seus compromissos.

Empresas que arrendaram aeronaves para a empresa aérea entraram na Justiça para reaver os aviões. Com isso, a Avianca é obrigada a cancelar um número cada vez maior de voos.

O Ministério Público Federal (MPF) pediu informações à Avianca Brasil e à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) sobre as providências que vêm sendo tomadas para minimizar os prejuízos causados aos clientes da Avianca em razão da crise instalada na empresa.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Avianca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.