Baixas contábeis do Deutsche Bank aumentam e superam US$11 bi

O Deutsche Bank AG anunciou novasbaixas contábeis nesta quinta-feira, elevando o total de perdasdecorrentes da crise financeira global para mais de 11 bilhõesde dólares. A instituição financeira alemã anteriormente era vista comouma das poucas que poderia sair ilesa da crise, mas o lucroantes de impostos do grupo no segundo trimestre caiu para 642milhões de euros (1 bilhão de dólares), bem abaixo dos 2,7bilhões de euros de igual período do ano passado. O Deutsche disse ter registrado uma baixa contábil de 1bilhão de euros em ativos de hipotecas residenciais e outros500 milhões de euros relacionados a seguradoras contra defaultde bônus. Os investimentos no setor imobiliário comercial custaram aobanco 300 milhões de euros. As perdas, no entanto, já eram esperadas e as ações doDeutsche tinha ligeira alta nesta manhã, de 0,17 por cento. "Continuamos cautelosos para o restante de 2008", disse opresidente-executivo, Josef Ackermann. (Por John Odonnell)

REUTERS

31 de julho de 2008 | 08h02

Mais conteúdo sobre:
CREDITODEUTSCHEBAIXAS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.