Balança fecha julho com superávit de US$ 2,057 bilhões

O saldo da balança comercial na quinta semana de julho ficou US$ 325 milhões positivo para o Brasil, informou hoje o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. O saldo é resultado de exportações de US$ 863 milhões (média diária de US$ 215,8 milhões, em quatro dias úteis) e importações de US$ 538 milhões (média por dia útil de US$ 134,5 milhões). Essa foi a pior média diária do mês de julho. No mês, o superávit alcançou US$ 2,057 bilhões devido a exportações de US$ 6,104 bilhões (média diária de US$ 265,4 milhões) e importações de US$ 4,047 bi (média diária de US$ 176 milhões). As exportações perderam força em julho, com queda de 1,9% ante a média diária de julho de 2002 e 9,6% ante junho deste ano. As importações caíram 19,4% ante julho de 2002 e se mantiveram estáveis na comparação com junho. No acumulado do ano, o superávit da balança alcançou US$ 12,454 bilhões. As exportações acumuladas no ano estão em US$ 39,106 bilhões e as importações em US$ 26,652 bilhões. Às 15 horas haverá entrevista coletiva onde serão detalhados os números da balança comercial de julho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.