Balança tem superávit de US$ 139 milhões na semana

A balança comercial, relativa à terceira semana de julho (dias 15 a 21) registrou um superávit de US$ 139 milhões, resultado de US$ 1,196 bilhão em exportações e de US$ 1,057 bilhão em importações. No mês, este é o segundo menor resultado, perdendo para a semana anterior, quando o saldo foi de US$ 712 milhões. Na primeira semana, o saldo foi bem menor: apenas US$ 52 milhões. No mês, o saldo acumulado já chega a US$ 903 milhões, o melhor resultado até agora, em comparação com os meses anteriores. Com isso, o acumulado do ano chega a US$ 3,509 bilhões.Dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior mostram que a média diária das exportações brasileiras acumuladas no mês até a terceira semana, de US$ 273 milhões, corresponde a um crescimento de 21% em relação à média de julho do ano passado, de US$ 225,7 milhões. Depois do forte aumento ocorrido na segunda semana do mês, com a regularização do registro de exportações que haviam sido embarcadas mas não contabilizadas por causa da greve dos fiscais da Receita, as exportações na terceira semana voltaram a patamares menores, embora mais altos do que os verificados nos últimos meses. A média diária das exportações na terceira semana chegou a US$ 239,2 milhões, ante US$ 376,8 milhões na segunda semana do mês. No acumulado do mês, houve aumento das exportações em todas as categorias de produtos: básicos (36,9%), semimanufaturados (53,8%) e manufaturados (3,9%).

Agencia Estado,

22 de julho de 2002 | 10h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.