Balanços melhoram confiança e bolsas europeias sobem

Balanços corporativos melhores que o esperado ajudaram as ações europeias a se recuperar nesta terça-feira, após a forte queda da véspera. Investidores esperam que fundamentos positivos para a economia global favoreçam o mercado de ações no prazo mais longo.

REUTERS

20 de abril de 2011 | 15h00

O índice FTSEurofirst 300, que mede o desempenho dos principais papéis do continente, subiu 0,4 por cento, aos 1.116 pontos, recuperando parte da perda de 1,7 por cento de segunda-feira, quando a Standard & Poor's colocou o rating dos Estados Unidos em perspectiva negativa.

Resultados corporativos robustos impulsionaram o otimismo nas expectativas para os balanços, com a rede de luxo Burberry e a manufatureira SKF subindo cerca de 6 por cento após fortes resultados.

"As companhias globais, principalmente essas que fabricam produtos, vão divulgar lucro e receita maiores. Há muito espaço para exportar nos atuais níveis da libra e do dólar", afirmou um gestor de fundos em Londres, que gerencia cerca de 120 milhões de dólares em ativos.

Ressaltando a força da economia, o índice composto dos setores de serviços e manufatureiro, medida mais ampla do setor privado frequentemente utilizada como um indicador de crescimento, superou as expectativas em abril, num sinal de que os fundamentos econômicos podem continuar amparando o crescimento das empresas e ganhos no mercado de ações no médio prazo .

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em alta de 0,46 por cento, a 5.896 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,18 por cento, para 7.039 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,7 por cento, a 3.908 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,31 por cento, para 21.249 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 avançou 0,31 por cento, a 10.376 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 encerrou em alta de 0,53 por cento, para 7.586 pontos.

(Reportagem de Harpreet Bhal)

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAEUROPAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.