Pixabay
Pixabay

Balas e pneus surpreendem varejistas em vendas da Black Friday

Eletrodomésticos representaram o maior faturamento do e-commerce, mas itens inusitados também movimentaram o comércio

Talita Nascimento, O Estado de S.Paulo

29 Novembro 2018 | 13h16
Atualizado 30 Novembro 2018 | 17h33

Eletrodomésticos, telefonia/celulares, eletrônicos, informática e artigos de casa e decoração foram os campeões em faturamento da Black Friday no e-commerce brasileiro, de acordo com pesquisa do Ebit Nielssen. No entanto, alguns itens, do varejo físico e digital surpreenderam os varejistas pelo número de compras.

Foi assim nas Lojas Americanas, que registraram alta de 40% no número de balas Fini vendidas em relação às promoções de 2017 e nas empresas da Via Varejo que destacaram pneus como um item mais vendido que o esperado na data.

Na Via Varejo, os itens mais vendidos entre lojas físicas e e-commerce acompanharam a pesquisa da Ebit Nielssen. TV de 50 polegadas da Samsung, TV de 43 polegadas da LG, celular Motorola G6 Play, Samsung J6 32GB e TV de 32 polegadas da Samsung formaram o Top 5 de vendas do conglomerado do varejo. Os pneus, destaque inusitado da empresa, não eram vendidos em lojas físicas antes dessa Black Friday, apesar de não divulgar os números, a Via Varejo diz que as vendas foram surpreendentes.

A B2W, responsável pelas Americanas.com, Submarino, Shoptime e Soubarato, não publica dados de vendas das empresas que controla, mas as Lojas Americanas divulgaram um resultado com algumas peculiaridades. Áudio, Telefonia, Utilidades Domésticas, Limpeza e Bombonière foram os setores que mais tiveram sucesso da data de promoções. E dentre os itens mais procurados pelos clientes estavam itens de higiene bucal, desodorantes, chocolates, biscoitos e guloseimas.

De acordo com pesquisa da Google, a Black Friday ainda não acabou para 20% dos brasileiros. Além disso, um quarto dos consumidores pretende continuar comprando nessa semana (até o dia 30 de novembro), caso as promoções se estendam. Na ferramenta de busca da empresa, os itens mais procurados na última sexta-feira foram: limpeza (32%), pneu (31%), eletrodoméstico (30%), móveis (27%) e decoração (22%).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.