Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Bancários da Argentina fazem paralisação hoje no país

O atendimento nos bancos da Argentina deve ficar comprometido hoje por causa de uma greve da Associação Bancária (AB). Os bancários vão cruzar os braços para protestar contra a falta de acordo em relação ao aumento de salários. A associação garante que os aposentados e pensionistas serão os únicos a serem atendidos durante esta quinta-feira.

MARINA GUIMARÃES, Agencia Estado

14 de maio de 2009 | 09h57

O presidente da entidade, Juan Zanola, afirmou que as negociações já duram mais de dois meses, sem nenhum resultado satisfatório para a categoria. "As negociações estão carentes de garantias e os prazos estão todos vencidos", afirmou.

"Os bancos, particularmente os privados, continuam desrespeitando os acordos salariais anteriores e a convenção coletiva de trabalho", explicou e o porta-voz da associação, Eduardo Berrozpe. Os sindicalistas pedem reajuste de 25%, mas os bancos oferecem somente 13%.

Tudo o que sabemos sobre:
Argentinagrevebancos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.