Banco alemão avalia que postura gradualista do Fed é positiva

A decisão do banco central dos Estados Unidos (Federal Reserve) de elevar os juros em 25 pontos-base ? de 1% para 1,25% ao ano ?, ressaltando que o aperto da política monetária deve ser "comedido", confirmou a expectativa da maioria dos agentes de mercado e é um evento positivo para o Brasil, na avaliação do banco de investimentos alemão Dresdner Kleinwort Wasserstein (DKW).Segundo a instituição, este é o início do ciclo de aperto monetário, no qual o Fed deixou muito claro sua intenção de adotar uma postura gradualista na elevação dos juros. A instituição acredita também que os mercados continuarão monitorando atentamente o comportamento da inflação norte-americana.O DKW prevê que o Federal Reserve ainda promoverá três elevações de 25 pontos-base nos juros até o final deste ano, elevando-o a 2%. No entanto, o banco difere da maioria das estimativas do mercado, apostando que os juros norte-americanos permanecerão estáveis em 2005.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.