Banco Central da Inglaterra mantém juro em 5,75%

O Banco da Inglaterra manteve a taxa de referência em 5,75% ao ano, após reunião de dois dias de política monetária. A decisão era esperada. Mas em atitude pouco comum, o BC inglês divulgou nota para descrever suas impressões sobre a política monetária no atual cenário de turbulência dos mercados. De acordo com o comitê, é muito cedo para dizer se a extensão dos problemas no mercado financeiro irá afetar a oferta de crédito para as companhias e para as famílias. "A inflação caiu para 1,9% em julho e deve permanecer por volta disto, ou levemente abaixo, da meta de 2% durante os próximos meses. A pressão dos pagamentos permanecem controlados", conforme o comitê."Existem sinais de desaceleração nos gastos com consumo. Mas a solidez recente do ritmo de crescimento da produção tem sido sustentada e a margem de capacidade não utilizada de produção parece limitada. Os indicadores de pressão sobre os preços continuam, de certo modo, elevados".O banco observou que a ata da reunião desta semana será divulgada no dia 19, às 5h30 (de Brasília). O BC inglês elevou a taxa de referência pela última vez em julho, o quinto aumento de 0,25 ponto porcentual desde agosto do ano passado. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.