carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Banco Central Europeu corta taxa de juros para 1%

Esta é a 7 vez que instituição diminui taxa desde outubro de 2008; índice é o mais baixo da história.

BBC Brasil, BBC

07 de maio de 2009 | 15h48

O Banco Central Europeu (BCE) cortou nesta quinta-feira a taxas básica de juros nos 16 países da zona do euro para o patamar mais baixo de sua história, 1% - ou 0,25 ponto percentual abaixo do fixado anteriormente.

Esta é a sétima vez que a instituição corta sua principal taxa de juros desde outubro de 2008, quando este índice estava em 4,25%.

O presidente da instituição, Jean-Claude Trichet, afirmou que o Banco Central não descartou mais cortes.

"Ainda não decidimos que o novo nível de nossa política de taxa de juros é o mais baixo", afirmou, acrescentando em seguida que as taxas de juros estão em um nível adequado por enquanto.

Banco da Inglaterra

O BCE também informou que vai aumentar os prazos de financiamento aos bancos e que vai comprar 60 bilhões de euros (cerca de R$ 170 bilhões) em títulos de dívidas para ajudar companhias endividadas.

Jean-Claude Trichet, entretanto, não informou como a compra desses títulos será financiada.

Segundo o repórter da BBC em Bruxelas Mark Gregory, esta informação só será divulgada quando o Banco Central Europeu anunciar os detalhes de seu plano, em junho.

O anúncio do Banco Central Europeu ocorreu depois de o Banco da Inglaterra ter anunciado que manteria sua taxa de juros em 0,5%.

A autoridade monetária também anunciou que vai injetar 50 bilhões de libras (cerca de 56,6 bilhões de euros ou R$ 159 bilhões) na economia britânica também com a compra de títulos de dívidas públicas e privadas. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.