Banco Central não prevê reajuste da gasolina neste ano

O Banco Central manteve na ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), na semana passada, a estimativa de que não haverá reajuste dos preços da gasolina em 2007. Os integrantes do comitê, que são os diretores do BC, utilizam essa estimativa para projetar a inflação e decidir a evolução da taxa Selic (juro básico da economia brasileira, hoje em 12,75% ao ano).Na avaliação dos membros do Copom, as cotações internacionais do petróleo se recuperaram nas últimas semanas, após declinarem fortemente antes da reunião anterior do comitê. O Copom já realizou duas reuniões este ano, uma na semana passada (dias 6 e 7 de março) e a primeira em janeiro (dias 23 e 24)."As cotações (do petróleo) continuam apresentando elevada volatilidade, mostrando substancial sensibilidade quanto a tensões geopolíticas bem como a eventos climáticos. Mesmo assim, continua bastante plausível o cenário central de trabalho adotado pelo Copom, que prevê preços domésticos da gasolina inalterados em 2007", afirma a ata.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.