Banco Central vende mais 21,5 mil contratos de swap cambial

Objetivo é, mais uma vez, tentar conter a escalada da moeda norte-americana

10 de junho de 2013 | 14h18

Na segunda tranche do dia, o Banco Central vendeu mais 21,5 mil contratos de swap cambial com dois vencimentos em leilão realizado no início da tarde. Foram 11,5 mil contratos com vencimento em 01/07/2013 e 11 mil com prazo final em 01/08/2013. O swap cambial é uma operação que equivale à venda de dólares no mercado futuro.

No caso dos papéis que vencem em julho, a operação equivale a US$ 571,5 milhões e nos de agosto, a US$ 546 milhões, atingindo um total de aproximadamente de US$ 1,118 bilhão.

A taxa nominal para os contratos que vencem em julho ficou em 11,2612% e a linear, em 10,989%. O PU mínimo foi de 99,393200. Os contratos negociados pelo BC nesta segunda-feira, 10, terão como data de emissão e liquidação o dia 11/06/2013.

Já a taxa nominal para os contratos que vencem em agosto ficou em 5,3655% e a linear, em 5,210%, com PU mínimo de 99,267300. Os contratos negociados pelo BC nesta segunda-feira, 10, para esse vencimento também terão como data de emissão e liquidação o dia 11/06/2013.

Esta é a quarta vez que o BC entra no mercado desde o dia 31 de maio. Nas duas primeiras entradas, a autoridade monetária vendeu US$ 2,252 bilhões em leilões de swap cambial. No início da tarde, a autoridade monetária fez a primeira oferta do dia e esta é a segunda.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.