Banco do Brasil reduz juros de crédito para micro empresas

O Banco do Brasil anunciou nesta quarta-feira, 14, a redução das taxas de juros da linha de crédito Proger Exportação. Segundo a assessoria de imprensa do banco, os encargos, que antes variavam de 5,33% a 5,90% ao ano, passaram de 5,15% a 5,65% ao ano, mais a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP, atualmente em 6,5%). A linha destina-se ao público de micro e pequenas empresas exportadoras com faturamento bruto anual de até R$ 5 milhões.Com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), o Proger Exportação financia exportações futuras e também pode ser usado para promover produtos e serviços voltados para o mercado externo. A linha abrange despesas com pacote de viagem para participação em feiras e eventos comerciais no País e no exterior, aquisição de passagens aéreas, hospedagem, traslado e transporte de bagagem, locação de espaço físico, montagem e ambientação de estande, entre outras.Um dos diferenciais do Proger Exportação é a liberação de recursos em moeda nacional, que dispensa o fechamento de câmbio. O limite do empréstimo é de R$ 250 mil, com carência de até seis meses e prazo de pagamento de até um ano. As amortizações das parcelas são mensais e consecutivas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.