Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Banco Mundial aprova para a Argentina crédito de US$ 50 mi

Objetivo é fornecer às zonas rurais uma provisão energética mediante tecnologias de energia renovável

Efe,

12 de novembro de 2008 | 04h34

O Banco Mundial (Bird) anunciou nesta terça-feira a concessão de um empréstimo adicional à Argentina de US$ 50 milhões para financiar um projeto de desenvolvimento energético no setor rural. Veja também:Banco Mundial vai ampliar ajuda financeira a emergentesMais países estão precisando de ajuda, diz Zoellick Em comunicado, o Bird disse que os recursos da operação terão os mesmos objetivos de um crédito anterior concedido dentro de um projeto de energia renovável no mercado rural. O objetivo é fornecer às zonas rurais das províncias participantes uma provisão energética mediante tecnologias de energia renovável. O empréstimo também apoiará estudos sobre o setor energético, ajudará o país no desenvolvimento de operações sustentáveis no setor, fortalecerá a participação do setor privado em zonas rurais e estimulará a capacidade dos governos rurais de regular essa participação. O comunicado acrescentou que o crédito financiará custos vinculados ao aumento das atividades destinadas a fortalecer o impacto de desenvolvimento do projeto no período entre 2008 e 2010. O empréstimo foi concedido com um prazo de amortização de 15 anos e um período de carência de cinco, indicou o comunicado.

Tudo o que sabemos sobre:
ArgentinacréditoBanco Mundial

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.