Banco Panamericano deve emitir US$ 300 milhões no exterior

A operação será coordenada pelo Bradesco BBI, Itaú, Standard Bank e UBS e tem com colíder o Espírito Santo Investment

Cynthia Decloedt, da Agência Estado,

27 de julho de 2010 | 09h46

O Banco Panamericano deve captar US$ 300 milhões com a emissão de bônus de cinco anos no exterior, segundo informou fonte do mercado com conhecimento da operação. O yield de referência da captação deve ficar entre 5,75% e 6%. A emissão faz parte de um programa de captação de US$ 500 milhões da empresa.

 A operação é coordenada pelo Bradesco BBI, Itaú, Standard Bank e UBS e tem com colíder o Espírito Santo Investment. Os bônus receberam rating Ba2 pela Moody's.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.