Banco Standard Chartered fechará 80 a 100 agências em plano de corte de custos

O Standard Chartered planeja cortar de 80 a 100 agências de varejo em 2015 como parte de plano para economizar 400 milhões de dólares por ano para melhorar a rentabilidade, segundo apresentação mostrada a investidores pelo banco que tem foco na Ásia.

REUTERS

11 de novembro de 2014 | 08h50

O Standard Chartered disse na apresentação que o potencial de retorno do banco de varejo estava sendo limitado por custos elevados. O banco tinha 1.248 agências no final de junho.

A instituição financeira está promovendo apresentações de três dias para analistas e investidores para tentar convencê-los que pode recuperar suas operações após três alertas de lucro este ano e vários outros problemas.

Tudo o que sabemos sobre:
BANCOSSTANCHARTCORTES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.