Bancos da Europa perdem US$ 200 bi

Os bancos europeus sofreram consideravelmente mais perdas do que seus concorrentes dos Estados Unidos com a crise das hipotecas de alto risco (subprime) americanas. Dos US$ 387 bilhões em perdas com crédito que os bancos globais anunciaram desde o início de 2007, US$ 200 bilhões foram registrados pelos bancos europeus e US$ 167 bilhões pelos americanos, segundo o Instituto de Finanças Internacionais (IIF, na sigla em inglês).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.