Bancos dos EUA tiveram lucro recorde no 1º trimestre

Os bancos dos EUA tiveram no primeiro trimestre deste ano lucro recorde de US$ 40,3 bilhões, 15,8% maior que no quarto trimestre de 2012, num sinal de que o setor bancário norte-americano está se recuperando, embora os empréstimos continuem fracos.

Agencia Estado

29 de maio de 2013 | 14h25

O resultado, que foi divulgado pelo Federal Deposit Insurance Corp. (FDIC), é favorecido por vários itens extraordinários, incluindo custos menores com processos judiciais e recursos vindos de acordos.

A FDIC, no entanto, não está muito otimista em relação ao futuro do setor. Segundo a agência federal, cuja principal função é a de garantia de depósitos bancários, os bancos norte-americanos têm capacidade menor de ganhar dinheiro num ambiente de juros baixos, e a concessão de crédito se mantém estável.

A margem líquida de juros, a diferença entre o quanto que os bancos podem ganhar sobre seus ativos e as taxas que precisam pagar aos depositantes, caiu para 3,27% nos primeiros três meses do ano, o menor nível desde o quarto trimestre de 2006, com queda mais pronunciada nas grandes instituições.

Já os empréstimos dos bancos norte-americanos caíram 0,5%, para US$ 36,8 bilhões no trimestre, na primeira queda trimestral registrada desde o fim de 2010. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAbancoslucro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.