Bancos usam poucos recursos da poupança

O governo quer que os bancos, principalmente as instituições privadas, voltem a financiar o setor de habitação. Esse é o principal objetivo da proposta em estudo pela equipe econômica que altera a remuneração da caderneta de poupança e permite aos mutuários abater no Imposto de Renda (IR) parte dos juros pagos no financiamento da casa própria. Atualmente, o total destinado pelos sistema financeiro para empréstimos nessa área está longe do mínimo determinado pela legislação. O acompanhamento que o Banco Central (BC) faz do setor mostra que, em janeiro deste ano, enquanto o volume exigido era de R$ 54,5 bilhões, apenas R$ 31,2 bilhões estavam aplicados efetivamente em financiamentos habitacionais, o que representa 58% do exigido. Leia mais no Estadão

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.