Banespa: prazo de adesão à oferta vence segunda

Os acionistas minoritários do Banespa têm até segunda-feira para aderir à oferta pública feita pelo Santander. Quem vender os papéis receberá R$ 95,00 por lote de mil, acrescido da variação da Taxa Referencial de Juros (TR) do dia 23 de fevereiro último até a data da liquidação financeira da operação. A compra das ações será formalizada pelo Santander no dia 6 de abril, em leilão na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa).O Banespa e o Santander não divulgaram nenhum balanço sobre as adesões. Pelas regras da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), se 67% dos minoritários não aderirem à oferta até segunda-feira, o Santander terá de comprar apenas um terço dos papéis em circulação no mercado e esperar, no mínimo, dois anos para fazer nova oferta pública. Banesprev não decidiu se vai aderirO Banesprev - fundo de pensão dos empregados do Banespa - ainda não decidiu se vai aderir à oferta pública do banco. O fundo tem 3,89% do total das ações ordinárias (ON, com direito a voto) do Banespa. A expectativa é que a decisão saia ainda hoje.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.