Banespa pretende abrir 190 novos postos

Depois de ter a desocupação de 190 postos de atendimento em fóruns e tribunais do Estado determinada pela Justiça até 16 de fevereiro de 2001, o Banespa divulgou que vai abrir uma agência bem próxima a cada um desses lugares. A decisão da Justiça foi tomada no último dia 21 e publicada no Diário Oficial de ontem. Os custos da expansão do Banespa ainda não foram estimados.A mesma ação determina que o Banespa transfira para a Nossa Caixa Nosso Banco R$ 2,8 bilhões em depósitos judiciais. O valor deve ser repassado em seis parcelas a partir de 1.º de fevereiro. A decisão da Justiça foi retroativa e desde o dia 5 deste mês novos depósitos judiciais estão proibidos no Banespa. O Banespa não pretende recorrer à decisão, já que a manutenção dos depósitos não era garantida pelo edital de privatização.O Banespa também se prepara para uma eventual briga em relação às contas dos funcionários públicos da administração direta. A manutenção dessas contas está garantida pelo edital, mas a Assembléia Legislativa pretende repassá-las para a Nossa Caixa. A decisão está nas mãos do governador Mário Covas.

Agencia Estado,

28 de dezembro de 2000 | 18h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.