BankBoston teve lucro líquido de R$ 503 milhões no Brasil

O BankBoston encerrou o ano de 2003 com um lucro líquido de R$ 503 milhões, resultado 13,5% menor do que o obtido em 2002, de R$ 582 milhões. Em 2001, o lucro líquido do Boston no Brasil foi de R$ 737 milhões. Os ativos totais do banco caíram de R$ 24,4 bilhões ao final de 2002 para R$ 19,5 bilhões no ano passado. Assim como no ano passado, a principal explicação para a retração do resultado e do tamanho do banco no País é a redução das linhas de crédito internacionais de terceiros que o Boston repassa aos clientes.A oferta dessas linhas mostrou alguma recuperação no final do ano passado, explicou à Agência Estado o diretor de Finanças do banco, Sérgio Ricardo Borejo, mas com spreads mais baixos, o que tornou os negócios com essas linhas menos atrativos. Os financiamentos em moeda estrangeira do Boston caíram o equivalente a R$ 4,5 bilhões. Borejo chama a atenção para o fato de que todos esses números devem ser vistos em um ambiente de apreciação cambial na economia brasileira. Ou seja, em dólares essas reduções não foram tão drásticas. "Os ativos totais em dólares, por exemplo, passaram de algo em torno de US$ 7 bilhões para US$ 6,7 bilhões. Os números em reais acabaram sendo ampliados em função da queda do dólar", afirma o diretor do BankBoston, lembrando que a moeda norte-americana valia R$ 3,53 no final de 2002. No final de 2003, estava a R$ 2,88.A rentabilidade sobre o patrimônio líquido do BankBoston ficou em 20% em 2003, abaixo dos 24% registrados em 2002 mas ainda em um patamar confortável dentro da indústria bancária. Um dos segmentos mais representativos para o Boston em 2003 foi a administração de recursos de terceiros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.