Banqueiros e bancários voltarão a se reunir para tentar fechar negociação

Ontem a Fenaban apresentou proposta de linear de reajuste para salários, pisos e benefícios de 6%; bancários pedem 10,25% 

Agência Estado,

29 de agosto de 2012 | 16h15

SÃO PAULO - Representantes dos banqueiros e dos bancários voltarão a se reunir na próxima terça-feira, 4, para tentar fechar a negociação salarial de 2012, disse há pouco à Agência Estado o diretor de Relações Trabalhistas da Federação Nacional de Bancos (Fenaban), Magnus Ribas Apostólico.

Patrões e trabalhadores se reuniram ontem e voltaram a se encontrar nesta quarta-feira, 29. Ontem a Fenaban apresentou proposta de linear de reajuste para salários, pisos e benefícios de 6%. Os bancários pedem 10,25% a título de aumento real e reposição da inflação no acumulado de 12 meses até setembro, data-base da categoria, que conta com 509 mil trabalhadores em todo o País.

O encontro de hoje, segundo Apostólico, teve como objetivo focar um pouco mais a pauta de reivindicações que será apresentada às instituições bancárias ao longo desta semana. "A partir da proposta de 6%, discutimos os caminhos que devemos tomar. Precisávamos de um pouco mais de foco para chegarmos a um acordo na semana eu vem", disse o diretor da Fenaban.

Além da proposta linear de reajuste, os dois lados discutem ainda a Participação nos Lucros e Resultados (PLR). Esta é uma outra negociação porque a PLR tem características próprias, que englobam 90% do salário mais R$ 1,4 mil e um adicional de mais 2,2 salários. Pela PLR, explica Magnus, um bancário que ganha o piso de R$ 1,5 mil, poderá ganhar até R$ 6,3 mil.

Neste ano, a Fenaban negocia com os bancários em meio às comemorações de 20 anos da convenção nacional. "Somos a única categoria que discute sua campanha salarial em nível nacional. Os metalúrgicos, por exemplo, negociam seus dissídios por regiões", diz Apostólico.

Tudo o que sabemos sobre:
fenabanbacáriosreajuste

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.