Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Barclays compra banco espanhol Zaragozano

O Barclays PLC, terceiro maior banco da Grã-Bretanha, concordou em comprar o Banco Zaragozano SA por 1,14 bilhão de euros (US$ 1,29 bilhão) em dinheiro, em uma transação que tornará o banco britânico no sexto maior da Espanha. O Barclays está oferecendo 12,7 euros por ação, 13% mais do que o preço de fechamento das ações do Zaragozano. Os acionistas detendo 54% do Zaragozano já concordaram com a oferta. A empresa combinada será liderada por Jacobo Gonzalez-Robatto, CEO do Barclays Espanha. O diretor-financeiro do Barclays, John Varley, disse que a consolidação das duas operações "talvez tenha implicações com relação ao emprego", porém não comentou o número específico de postos de trabalho que podem eliminados. O Zaragozano tem sido alvo de rum ores de uma possível oferta, que se intensificou após o seu co-chairman ser acusado de fraude em março com relação à uma transação de um imóvel em 1987 e foi forçado a renunciar. Varley afirmou que o crescimento orgânico ainda é importante para a expansão do Barclays na Europa Continental, porém disse que o Barclays considerará aquisições semelhantes ao Zaragozano. A transação está sujeita à aprovação de órgãos reguladores e deverá ser concluída em julho. As informações são da agência Dow Jones.

Agencia Estado,

08 de maio de 2003 | 12h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.