Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Barclays: Moody's deve rebaixar rating do Brasil em 2017

O Barclays avalia que o Brasil tem poucas chances de cumprir as condições necessárias para evitar mais um rebaixamento do seu rating por parte da agência de classificação de risco Moody's. O cenário traçado pelo banco britânico é de que a perspectiva da nota passará de estável para negativa no primeiro trimestre de 2016 e "o consequente downgrade poderia vir no começo do primeiro trimestre de 2017", diz o relatório assinado pelo economista para Brasil do Barclays em Nova York, Bruno Rovai. 

Mário Braga, O Estado de S. Paulo

11 de agosto de 2015 | 20h00

Para o especialista, é improvável que haja uma mudança significativa na coordenação do governo junto ao Congresso. "Não vemos as condições necessárias para uma melhora na relação entre o Executivo e o Legislativo, e a falta de popularidade da presidente e a operação Lava Jato só fazem dificultar essa possibilidade", escreve Rovai.

O economista pondera, no entanto, que o risco de o Brasil perder o grau de investimento por duas agências de classificação de risco é menor agora é do que era há duas semanas, a não ser que um se materialize "um cenário extremo nos fronts político e econômico", que afete as contas públicos ou o ambiente político de maneira negativa, exemplifica. 

Tudo o que sabemos sobre:
Moody'srebaixamentorating

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.