finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Barioni quer melhorar o serviço e a operação da TAM

O novo presidente da TAM, comandante David Barioni Neto, afirmou ontem que sua gestão será pautada por três objetivos: ampliar a excelência de serviços, ampliar a excelência operacional e ampliar a excelência de gestão da companhia. "A estratégia não muda, ela se amplifica?, disse o executivo, que até três meses atrás era vice-presidente de operações da concorrente Gol, empresa que ajudou a fundar em 2001.Com a naturalidade de quem parece estar simplesmente trocando uma gravata laranja por uma vermelha, Barioni defendeu o atual modelo de negócios da TAM, ainda que tenha reconhecido que a qualidade do serviço da empresa já não é mais a mesma. "A companhia cresceu 35% nos últimos quatro anos. É bastante difícil conseguir manter o serviço intocado?, disse o executivo, em sua primeira entrevista após assumir o cargo, na quarta-feira.Em um claro recado a analistas de mercado que possam, eventualmente, ter algum receio de ver um piloto, e não um executivo tradicional, à frente de uma companhia aérea, Barioni garantiu que fará uma gestão de resultados. "A gestão tem de ser eficiente, temos de dar resultado. Isso não conflita de forma alguma com o objetivo de manter e ampliar a qualidade do serviço e a eficiência operacional?. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.