BB: análise do valor do Banestes vai demorar 4 meses

O processo de avaliação do valor do Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes) deve demorar cerca de quatro meses. A avaliação foi feita hoje pelo vice-presidente de Finanças do Banco do Brasil (BB), Aldo Luiz Mendes, após o anúncio do início das conversas do BB com o governo capixaba para uma eventual aquisição. O anúncio acontece um dia após a aprovação na Câmara da Medida Provisória (MP) 443, que dá o direito ao BB e à Caixa Econômica Federal (CEF) de adquirir outras instituições sem autorização legislativa.Segundo Mendes, a direção do BB e do Banestes usarão os próximos 30 dias para contratar empresas especializadas para a análise do valor de mercado do banco estadual. Essas consultorias terão prazo de cerca de 90 dias para avaliar o preço do Banestes. De posse das cifras, as duas partes sentarão à mesa para iniciar as conversas sobre os detalhes da compra.Aldo Mendes explicou que a intenção é que a folha de pagamentos dos cerca de 60 mil servidores ativos e 25 mil inativos do governo capixaba permaneça no Banestes. O banco federal também quer que os negócios do governo do Espírito Santo continuem na instituição. Segundo Aldo, a intenção é comprar o Banestes e não incorporá-lo, como o negócio feito com o Banco do Estado de Santa Catarina (Besc). Se concretizada, a aquisição do banco capixaba será a primeira realizada sob a nova MP 443.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.