BB assume o Banco Postal na segunda-feira

As mais de 6 mil agências dos Correios que hoje levam a logomarca do Bradesco em 5.273 municípios serão substituídas pelo símbolo e pelas cores do Banco do Brasil

Karla Mendes, da Agência Estado,

28 de dezembro de 2011 | 12h23

O Banco do Brasil assume na próxima segunda-feira o Banco Postal, que durante dez anos foi operado pelo Bradesco. As mais de 6 mil agências dos Correios que hoje levam a logomarca do Bradesco em 5.273 municípios serão substituídas pelo símbolo e pelas cores do Banco do Brasil, vencedor da licitação do Banco Postal, realizada em maio.

As contas abertas ao longo dessa década por meio da parceria com o Bradesco continuarão em poder do banco privado, mas para continuar usando os serviços bancários via Banco Postal, os atuais clientes terão de abrir uma conta no Banco do Brasil, disse à Agência Estado o presidente dos Correios, Wagner Pinheiro. "Tem que abrir uma conta no Banco do Brasil para continuar usando o Banco Postal", enfatizou.

Quem não tomar essa providência, perderá o direito de usufruir do Banco Postal e só conseguirá sacar dinheiro, fazer depósitos, tirar extratos, entre outras transações bancárias, se o Bradesco tiver uma estrutura própria no município onde o consumidor reside.

Para os Correios, a mudança do banco parceiro ocorre justamente no momento em que a empresa está dando os primeiros passos para a ampliação da sua área de atuação e a expectativa de diversificação dos negócios, inclusive no segmento financeiro, com destaque para o microcrédito e o cartão pré-pago.

O Banco do Brasil desembolsará R$ 3,35 bilhões para operar o Banco Postal. Além disso, assim que os Correios solucionarem o imbróglio das licitações das franquias postais, o Banco do Brasil terá de pagar R$ 200 milhões para implantar o serviço nas agências franqueadas. O novo contrato terá vigência de cinco anos e seis meses, podendo haver uma renovação, mediante novo depósito, com valor referente ao uso da rede das agências e do lance do leilão, atualizado pela taxa Selic.

Tudo o que sabemos sobre:
Banco do BrasilBanco PostalCorreios

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.