BB capta 275 milhões de francos suíços

O Banco do Brasil (BB) captou 275 milhões de francos suíços ao prazo de cinco anos e meio, superando o montante inicialmente ofertado de 200 milhões de francos suíços, confirmou o diretor de Finanças da instituição financeira, José Maurício Coelho. Essa é a primeira emissão pública do BB em francos suíços, disse. O BB havia feito uma captação privada de 50 milhões de francos há cerca de dois meses.

CYNTHIA DECLOEDT, Agencia Estado

26 de novembro de 2013 | 17h25

"Essa foi a maior operação já efetuada por um emissor brasileiro no mercado suíço e a maior realizada por um banco latino-americano", afirmou. A emissão foi posta a 190 pontos-base acima do mid swap e que ficou 30 pontos-base abaixo do título em dólar emitido pela instituição no mesmo prazo, de acordo com Coelho. O cupom dos bônus é de 2,5% pagos anualmente e o yield da operação ficou em 2,55%.

Ele disse que a ideia de captar neste momento e na moeda suíça está relacionada à estratégia do BB de buscar oportunidades de custo e diversificação de funding, não só em moedas, mas em instrumentos. "Temos procurado não ficar reféns das operações em dólares. Tendo em vista o crescimento dos negócios que estamos projetando para os próximos anos, consideramos que diversificar funding é importante para captarmos mais e melhor", disse. Além de francos suíços e dólares, o BB já captou em euros e ienes.

Sobre outras eventuais emissões no exterior em 2013, Coelho observou que o banco estatal monitora, constantemente, os mercados e que não pode, portanto, precisar datas ou moedas. "Difícil dizer por que não trabalhamos com prazo. Estamos sempre captando quando o mercado apresenta oportunidades e entendemos que devemos nos antecipar às nossas necessidades", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
BBcaptação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.