finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

BB estuda aumentar capital para poder emprestar mais

O Banco do Brasil (BB) anunciou ontem que vai estudar, com o Tesouro Nacional, o aumento de seu capital para alavancar sua capacidade de ofertar crédito. A capitalização ocorreria por meio da emissão primária de ações (lançamento de novos papéis), da qual devem participar os investidores privados e o próprio Tesouro, que não abre mão do controle acionário do banco.

FABIO GRANER, Agencia Estado

28 de novembro de 2009 | 08h00

Além da oferta primária, será avaliada também a possibilidade de uma oferta secundária (venda ao mercado de ações que estão com os controladores). Nesse caso, o objetivo é atingir o nível mínimo de 25% de ações em circulação, exigido pelo Novo Mercado da Bovespa, que tem regras mais rígidas de governança corporativa - relacionamento adequado entre empresas e investidores. O BB tem até 2011 para atingir esse índice. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
BBcapitalizaçãooferta

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.