BC apura alta de de 0,55% no IC-Br de maio

Os preços dos produtos básicos que mais afetam a inflação no Brasil inverteram a trajetória de queda vista nos quatro primeiros meses do ano e subiram em maio. Os preços do segmento de commodities medidos pelo Índice de Commodities do Banco Central (IC-Br) tiveram alta de 0,55% em maio ante abril. No mês anterior, o recuo havia sido de 1,93%. O índice passou de 126,56 pontos em abril para 127,26 pontos em maio.

CÉLIA FROUFE, Agencia Estado

05 de junho de 2013 | 13h17

Apesar da elevação, o índice do BC ainda acumula queda de 7,38% no ano e leve alta de 0,08% em 12 meses. Em maio, houve alta de 0,45% no segmento agropecuário, que inclui itens como carne de boi, óleo de soja, trigo, açúcar, milho, café, arroz e carne de porco, entre outros, ante abril.

O grupo energia foi o que registrou maior inflação no mês passado, com uma alta de 2,26% na comparação mensal. Nesse segmento, estão incluídos preços de petróleo, gás natural e carvão. O preço de metais, entre eles alumínio e minério de ferro, foi o único a registrar recuo, com baixa de 0,70% na mesma comparação.

Tudo o que sabemos sobre:
BCCommoditiesIC-Brmaio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.